domingo, 27 de maio de 2018

"Fronteira Invisível" - sessão Ambientar-se a 15/6

Na sessão AMBIENTAR-SE de junho 2018, a Associação Famalicão em Transição juntou-se novamente à ZERO - Associação Sistema Terrestre Sustentável para trazer ao debate os temas do óleo de palma e das bionergias com o filme:

"FRONTEIRA INVISÍVEL"

("Frontera Invisible",  2017, 28 min)

15 de junho de 2018 (sexta)
21h30
Casa do Território, Parque da Devesa
Vila Nova de Famalicão

Gratuito, entrada livre

Sinopse:

«Fronteira Invisível é a verdadeira história das comunidades presas no meio da guerra mais longa do mundo, na qual a ávida procura por terras, por parte dos grandes proprietários, para fornecimento de óleo de palma para produzir combustível "verde" deslocou os camponeses e os povos indígenas. Destruiu habitats naturais e concentrou as terras nas mãos dos ricos.

Fronteira Invisível dá voz às comunidades locais que arduamente lutam para recuperar as suas terras enquanto expõem as principais armadilhas da política de biocombustíveis.

Na Colômbia, o governo assinou um acordo de paz com o grupo rebelde que acabou com 60 anos de conflito armado. Uma guerra que deslocou mais pessoas do que toda a população da Dinamarca. Enquanto isso, o governo planeia continuar a plantar palma para abastecer a Colômbia e a Europa com 'biodiesel'. Ela devolverá a terra aos seus verdadeiros proprietários ou apenas a entregará ao grande Agronegócio?

Este documentário foi exibido em 24 países em todo o mundo, da Austrália aos Estados Unidos, da Argentina à Rússia, da Itália ao Peru, tendo sido por diversas vezes galardoado como melhor pequeno documentário. Ele também foi exibido em 5 Parlamentos na Europa.»


Frontera Invisible. Trailer 1 (Subs En, Cz) from Transport & Environment on Vimeo.

Informações: parquedadevesa@vilanovadefamalicao.org / 252 374 184 ou famalicaom@gmail.com

*********************************************************************************
As sessões AMBIENTAR-SE são uma parceria entre o Município de Vila Nova de Famalicão (Equipa Multidisciplinar de Gestão do Parque da Devesa) e associações locais ligadas à proteção do ambiente, que constam na exibição de um filme de tónica ambiental com debate no final. Estas sessões ocorrerem, por norma, na terceira sexta-feira do mês.   Associações parceiras:

  • AREA - Associação Amigos do Rio Este
  • Associação Famalicão em Transição
  • H2Ave - Associação Movimento Cívico para a Dinamização e Valorização do Vale do Ave
  • VENTO NORTE - Associação de Defesa do Ambiente e Ocupação dos Tempos Livres
  • YUPI - Associação para o Desenvolvimento Local
*********************************************************************************

sábado, 26 de maio de 2018

Movimento Escola Moderna (MEM) na Educação - 7 de junho

A Associação Famalicão em Transição com o apoio do Centro de Estudos Camilianos e o Núcleo MEM do Porto, apresentam

"Modelo pedagógico do MEM na educação pré-escolar e no 1.º ciclo: 
um mesmo olhar, duas realidades".

No dia 7 de junho entre as 18.30h e as 20h no Centro de Estudos Camilianos (Seide S.Miguel)



A Prof. Noémia Peres e o prof. Joaquim Liberal do Núcleo MEM Porto dar-nos-ão a oportunidade de conhecer este modelo pedagógico para educação pré-escolar e 1º ciclo.

Num segundo momento o JI Seide S.Miguel e EB1 Seide irão partilhar a experiência de implementação de uma ou mais práticas a título de exemplo.

Aberto a pais, mães, educador@s, professor@s, e toda a comunidade educativa.

Inscrição obrigatória em: goo.gl/JLxfUQ

Dádiva sustentável: 1,5€ para sócios e 2€ para não sócios.

quarta-feira, 23 de maio de 2018

Receber a nossa informação (Newsletter)


No dia 25 de maio de 2018 entra em vigor o Regulamento Geral de Proteção de Dados.

A partir daí, só poderemos enviar emails de divulgação com o seu consentimento expresso dos interessados.

Assim, se quer estar a par das dinâmicas de Famalicão em Transição, dê-nos o seu consentimento no formulário da nossa Newsletter.


Mesmo quem se tinha registado antes, terá de subscrever novamente para receber a informação.

Para se informar sobre o tratamento que fazemos dos dados que nos fornece, consulte a nossa Política de Privacidade .

Contamos consigo. Conte connosco!

quarta-feira, 16 de maio de 2018

"Rio Ave: Que Futuro?", sessão Ambientar-se a 18 de maio em Riba de Ave

Sessão AMBIENTAR-SE descentralizada, dinamizada pela Associação H2Ave: RIO AVE; QUE FUTURO?

Dia 18 de maio, 21h30, na Didáxis de Riba de Ave

Esta sessão Ambientar-se terá um âmbito mais "prático" e descentralizado, já que decorrerá, não na Casa do Território, mas na freguesia de Riba de Ave, mais concretamente nas instalações da Didáxis.

Se o tempo assim o permitir também, numa sala perto do rio onde se ouve o seu barulho ou no espaço exterior.

O documentário realizado pela RTP 2 em 1985, com a descrição de que como era o rio àquela data e comparando com o cenário de hoje em dia, dará o mote para a tertúlia com troca de ideias para o que se quer para este nosso rio AVE no futuro.

Antes da sessão, para quem quiser aparecer, poderá apreciar a zona ribeirinha do Ave e as plantações de plantas autóctones nela realizada, para além de ficar a par de outras ações de carácter ambiental já realizadas e a realizar.

terça-feira, 15 de maio de 2018

Comunicação Positiva e Eficaz: Paciência, Linha e Agulha,

Na próxima sexta-feira, dia 18 de maio, ocorre mais uma palestra do I Ciclo de Conferências em Educação, no auditorio da CESPU, a partir das 21h:

Tema: Comunicação Positiva e Eficaz: Paciência, Linha e Agulha

Convidada: Ana Isabel Lage

Inscrições (gratuitas, mas obrigatórias): aqui

«A Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão organiza esta sexta-feira, dia 18 de maio, a conferência “Comunicação Positiva e Eficaz: Paciência, Linha e Agulha”, com Ana Isabel Lage. A iniciativa realiza-se pelas 21h00, no auditório da CESPU, em colaboração com a Associação Famalicão em Transição, a Federação Concelhia das Associações de Pais e o Centro de Formação da Associação de Escolas de Vila Nova de Famalicão.

Porque é que é tão difícil não ser agressivo na comunicação? Porque é que é a raiva ou irritação contaminam a comunicação? Porque é que importante ter uma comunicação mais assertiva? Estes são alguns dos “porquês” a ser discutidos na sessão.

Refira-se que Isabel Lage é licenciada em Psicologia da Educação e Desenvolvimento da Criança pela Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade do Porto, e Mestre em Psicologia Escolar pela Universidade do Minho. No ISCTE ingressou no Curso de Doutoramento em Psicologia na área da Inteligência Emocional. É formadora certificada pelo IEFP, pelo Conselho Científico-Pedagógico da Formação Contínua e pela Universidade Dale Carnegie.»