terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Solidariedade e Voluntariado em Famalicão

Este ano de 2011 é o Ano Europeu do Voluntariado. Se a solidariedade é  necessária em qualquer sociedade e em qualquer tempo, numa época de crise económica como a que se vive hoje em Portugal,  com o desemprego a subir e a pobreza a aumentar, então a entreajuda é fundamental para que se consiga manter o equilíbrio social.


"A Rede Social é um método de articulação e congregação de esforços entre entidades públicas. De privadas com vista à erradicação ou atenuação da pobreza e à promoção do desenvolvimento social. Destina-se á melhoria da qualidade de vida dos cidadãos residentes no concelho, e em especial aqueles que se encontram em situação de pobreza e exclusão social, e propõe-se mobilizar e articular todas as organizações e agentes que queiram e possam contribuir. Com base na Resolução de Conselho de Ministros e no Regulamento Interno do Conselho Local de Acção Social, a Rede Social do concelho de Vila Nova de Famalicão encontra-se organizada da seguinte forma: Um nível estratégico concelhio: o Conselho Local de Acção Social; Um nível temático: as Comissões Sociais Inter-Freguesias, a Comissão de Protecção de Crianças e Jovens, o Projecto de Luta Contra a Pobreza e o Núcleo Executivo do Rendimento Mínimo Garantido/Equipa para a Inserção; E um nível executivo: o Núcleo Executivo do CLAS." (Fonte: http://www.vilanovadefamalicao.org/redesocial/)

As quatro lojas sociais existentes em Famalicão, e mencionadas na mensagem anterior estão ligadas entre si através da Rede Social de Vila Nova de Famalicão, e contam com o apoio de funcionários do Município, assim como com o Banco de Voluntariado.
Se tem tempo disponível que possa dedicar aos outros, informe-se e inscreva-se no Banco de Voluntariado de Vila Nova de Famalicão. Fica aqui a Lei 71/98, que dá o enquadramento legal ao voluntariado e o Decreto-Lei 389/99, que a regulamenta. Após inscrição, será contactado.

3 comentários:

  1. Olá querida... espero que já esteja a funcionar melhor o Banco Local do Voluntariado, pois a minha experiência foi a de aguardar meses e não receber resposta às inscrições e propostas enviadas... desde o abrigo do cão a outras instituições por aí fora...
    Consegui sim, mas através de contacto directo, na fabulosa Associação Gerações que merece um destaque relativamente às actividades, dedicação e simpatia. Um verdadeiro exemplo a seguir :-)

    ResponderEliminar
  2. Este é o ano de todos nós :)
    Sou voluntário do BA
    Um sorriso :)
    http://onzequatrosetenove.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  3. Oi Manuela. Logo que soube aqui no seu blog da abertura destas lojas sociais, inscrevi-me, fiz a formação e comecei imediatamente o meu voluntariado; vou duas vezes por semana, às Terças e Quartas de manhã. Estou adorando! Obrigada pela informação e pelo incentivo que aqui vai dando. Um beijinho
    Emília

    ResponderEliminar